Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2022

A Estrada Erma: Os Demônios de Ergatan – E3T1

Imagem
Os Demônios de Ergatan Resumo Este episódio refere-se a primeira parte do capítulo 1 do Livro Os Demônios de Ergatan. O livro está disponível como ebook (exclusivo na Amazon) e impresso pelo Clube de Autores. EPISÓDIO 3 Dois vultos sombrios caminham em direção ao vilarejo. Mergulhando na névoa como duas corujas em busca de sua presa. Mas, estes caçadores fazem alguma ideia do que os aguarda? Fiquem com o episódio de hoje. A estrada erma. CRÉDITOS Neste episódio algumas músicas foram usadas na composição da trilha sonora e sonoplastia: Minor With Cricket de Audionautix é licenciada de acordo com a licença Atribuição 4.0 da Creative Commons. https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/ Artista: http://audionautix.com/ Medusa de Kevin MacLeod é licenciada de acordo com a licença Atribuição 4.0 da Creative Commons. https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/ Fonte: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100804 Artista: http://incompetech.com/ Departure – Ghostpoca

O Veneno do Despertar: Os Demônios de Ergatan – E2T1

Imagem
Os Demônios de Ergatan Resumo A tensão aumenta dentro da casa e segredos são revelados antes que o sórdido destino traçado para o ancião se concretize. Mas será que ele é mesmo assim tão indefeso? Fiquem com episódio de hoje: O Veneno do Despertar! livro e ebook: Os Demônios de Ergatan — Send in a voice message: https://anchor.fm/acaravanadassombras/message Sendo assim, Os Demônios de Ergatan é um dos primeiros livros que você poderá tomar como um ônibus expresso para Bars. Conheça o livro Este programa é uma adaptação do livro Os Demônios de Ergatan, que você pode ler em formato digital ou livro físico (disponível em várias livrarias online, como Amazon e Clube de Autores). Abaixo você ler uma amostra diretamente na Amazon.

Visitantes Indesejados: Os Demônios de Ergatan - E1T1

Imagem
Os Demônios de Ergatan Um vulto fugidio se esconde na névoa, vigiando a todos com curiosidade. Dois assassinos e uma fera estão à solta nas redondezas. Um lobo em pele de cordeiro uiva mais faminto do que nunca de seu trono enegrecido pela fuligem deixada pelas cinzas de suas vítimas. Sete ovelhas tremem amedrontadas diante dos demônios que as rodeiam por todos os lados. Um espectro vingativo e manipulador rege essa orquestra cheia de sombras e perigos. Esta é a situação na isolada vila pesqueira de Ergatan quando dois andarilhos; pai e filho, chegam a ela com um propósito sombrio: encontrar um perigosíssimo homem procurado por seu povo. Mas pai e filho primeiro terão de lidar com os rastros que este homem perigoso deixou para trás, escondidos na neblina que cobre aquele pequeno pedaço de mundo, envolvendo a tudo e todos em uma cortina fantasmagórica na qual os vultos sombrios dos galhos das árvores se confundem com os fantasmas e demônios reais que se escondem em cada fresta, atrás de

Apresentação e Prefácio: Os Demônios de Ergatan - E0T1

Imagem
Os Demônios de Ergatan Neste episódio você conhecerá um pouco sobre a obra antes de iniciar a aventura propriamente dita. Este é um tópico externo à narrativa apresentada neste livro (à qual chamo Os Demônios de Ergatan), pois não será tratado pela visão de quem mora no planeta Bars e sim pela visão de quem mora na Terra. Isto porque o intuito é o de ambientar o leitor terráqueo no universo em que esta história se passa, tendo como enfoque o planeta Bars. A forma mais segura de chegar até Bars é mergulhando nas nove profundezas e deixando o espírito viajar para além das esquinas do seu mundo. Mas, se você quiser, também é possível lançar mão de alguma nave capaz de te levar para além dos nove céus, onde você também dobrará as esquinas do mundo. Mas se você ainda não domina a arte da meditação — e por isso não consegue mergulhar em regiões tão profundas da mente — e se o seu orçamento estiver um tanto apertado para comprar uma nave tão potente para ir tão longe e dobrar as Esquinas do M

Crônicas de um Autor Independente: tomando um café holístico

Imagem
  São 18 horas. O dia foi parcialmente nublado, quente e abafado. Devido às nuvens, a luz da manhã demorou um pouco mais para dar as caras, de modo que a madrugada foi um pouco mais comprida do que de costume. Fora isso, tudo transcorreu de forma tranquila no caminho para o trabalho... Bom, aqui eu preciso explicar; quando falo "trabalho", me refiro à profissão diurna que paga as minhas contas. Mas todos sabem que sou um escritor e, neste sentido, tenho uma outra profissão de  fé, que exerço nas horas sombrias da noite (e nos intervalos estreitos que se espremem e contorcem para caber na agenda atarefada do dia). Do ponto de vista da minha profissão de escritor, as coisas "terem transcorrido" tranquilamente não é algo necessariamente bom. O insólito, estranho e anormal são matérias importantes para este ramo, pois são como uma espécie de combustível. Claro que quando não encontramos esse combustível no nosso dia-a-dia de maneira espontânea, precisamos buscá-lo em ou

BlackOut: Arquivo Umbra E2T1

Imagem
Arquivo Umbra: quotidiano sombrio Resumo Eu sou Éder, e você está ouvindo A Caravana das Sombras. Hoje retornamos com o “Arquivo Umbra”, um quadro semanal que reúne os relatos sombrios, inexplicáveis e por vezes, perturbadores que chegam ao conhecimento da nossa Caravana. Venham ouvir o relato de hoje. — Send in a voice message: https://anchor.fm/acaravanadassombras/message Dona coruja andou visitando os familiares de uma amiga que mora em Itapevi. Corujas são espíritos benevolentes e que trazem bons presságios, pois elas nos livram de pragas e outros perigos (visíveis ou não). Algumas lendas dizem que elas podem ajudar os espíritos perdidos, guiando-os para o outro mundo.

Madrugada de Lobos: Arquivo Umbra E1T1

Imagem
Arquivo Umbra: quotidiano Sombrio Resumo Saudações. Você está o ouvindo o Arquivo Umbra. Neste quadro trago os relatos sombrios que chegaram ao conhecimento da Caravana das Sombras. — Send in a voice message: https://anchor.fm/acaravanadassombras/message
Minha foto
Éder S.P.V. Gonçalves
Oz, São Paulo, Brazil
Em uma cabana na montanha vive um monstro. A criatura selvagem é um ficcionista perigoso; escreve poema, romance e também conto. Em tom sério (e às vezes também com humor) fala sobre fantasia, mistério e terror. Mil hobbys ele tem; até desenvolvedor de jogos, podcaster e programador. De vez em quando se veste de humano e anda por cidades cinzentas só para saber como é viver em um cenário de horror. Este é um perigoso Ideário, pois é o caderno de anotações de um monstro polimático.