Crônicas de um Autor Independente: Há um Autor Independente por aí; fazendo o serviço “sujo” nas horas sombrias da noite

O segundo volume da Saga Rumores está passando por revisão. No caso, minha revisão. Eu costumo revisar meus textos algumas vezes, antes de liberá-los para a revisão de amigos — os leitores beta. Depois disso, volto a revisá-los com base na critica desses amigos. Apenas neste ponto, por fim, eu digo: “Bom, eu poderia tranquilamente revisar isso mais algumas milhares de vezes… Mas Não Posso Fazer Isso. Agora já é Hora de Libertar o Kraken!!!”.
Neste momento fabuloso, a Biblioteca nacional já possui uma versão beta do meu texto. As plataformas de auto-publicação recebem o boneco já diagramado, a capa e a contra-capa. As forjas são aquecidas. O vapor percorre as tubulações da parafernália mirifica do MarketPlace e vualá…
 
O Livro Nasce como um Sol poderoso e está pronto para percorrer o mundo como um Godzilla que; sendo uma força da natureza, não pode ser impedido de usar os seus poderes para levar Fascinação, Medo e Alegria a quem quer que recorra a ele.
Claro, ainda falta um pouco para isso tudo… Acho que me empolguei de novo.
Dos vinte e dois capítulos que esta obra possui — fora a Introdução -, já estou na revisão do capítulo nove. Logo, ainda falta um pouco para o prometido e derradeiro momento. Mas chegaremos lá.
É uma bobagem ficar falando em números. Mas, apesar de tudo, este é um indicador do quanto falta para o trabalho ser concluído e dá um panorama de que a coisa está, afinal de contas, andando no ritmo devido. Digo Ritmo Devido, pois, para quem leva uma vida dupla, é preciso fazer toda a complexa gama de tarefas necessárias para um feito titânico como este, caber nas horas vagas.
 
Como tudo na vida, perspectiva é importante. E quero que, quem quer que torne-se leitor do meus livros, tenha alguma perspectiva do que esperar a respeito do meu trabalho. Então saiba que, por mais que eu passe um bom tempo sem dar as caras, o trabalho está sim andando. Há um Autor Independente por aí; fazendo o serviço “sujo” nas horas sombrias da noite, para que Você, leitor ou leitora, tenha a tranquilidade de saber que cedo ou tarde terá um livro para te divertir no conforto do seu lar.
Neste momento, você saberá: graças ao Autor Independente posso usufruir deste livro na segurança do meu lar.

Viva o Autor Independente!!!

Comentários

Populares

Personagens femininas, uma lista

Poema O Ogro Montês

Os Demônios de Ergatan: Uma verdade além da névoa da fantasia

Minha foto
Éder S.P.V. Gonçalves
Oz, São Paulo, Brazil
Em uma cabana na montanha vive um monstro. A criatura selvagem é um ficcionista perigoso; escreve poema, romance e também conto. Em tom sério (e às vezes também com humor) fala sobre fantasia, mistério e terror. Mil hobbys ele tem; até desenvolvedor de jogos, podcaster e programador. De vez em quando se veste de humano e anda por cidades cinzentas só para saber como é viver em um cenário de horror. Este é um perigoso Ideário, pois é o caderno de anotações de um monstro polimático.